Drops do mercado | Julho 2020

Desde o ínicio da pandemia todas as academias foram fechadas levando o cliente a se adaptar com os treinos dentro de casa.

O que mudou na forma de se exercitar para o brasileiro?

A principio quando analisamos as publicações desde o começo do ano vemos uma alteração no volume de publicações, logo a partir da segunda semana de março.

Como resultado, quando comparamos os dois primeiros meses do isolamento social, (março e abril) há um crescimento de 23% contra janeiro e fevereiro no volume de publicações.

Qual é o principal canal e quem publica?

Primeiramente temos o Twitter como principal canal, 80% bem como o Facebook, 12% e em menor importância Youtube, 5%.

Além disso as mulheres são mais engajadas que os homens diante do contexto.

Quais são as modalidades?

À primeira vista exercícios Cardiovasculares, como correr e caminhada, manteve sua importância, em contrapartida, o tipo de exercício Zen, como meditação e Yoga, passa a ganhar importância durante os dois primeiros meses.

Em outras palavras o volume de publicações para Zen cresceu 74% enquanto que Lutas, que estava em segundo lugar, caiu 23%.

Bem como publicações contendo Tipos de exercícios também ganhou relevância,

Zen

Em primeiro lugar a Meditação aparece com bastante relevância assim como Yoga.

A modalidade Yoga é quem ganha relevância, apresentando 170% de crescimento no volume de publicações enquanto que Meditação cresce 84%.

A prática da Yoga e Meditação é muito utilizada para combater a ansiedade, sentimento que foi publicado 67% mais durante os dois primeiros meses do isolamento social.

As modalidades configuradas como Zen são realizadas em sua maioria individualmente e em casa através das lives que passou a ser publicada cinco vezes mais dentre as publicações.

Considerações:

Através do monitoramento a comparação temporal temos a variação da tendência no contexto de exercício físico.
Portanto o social listening passa a ser relevante para que a marca consiga oferecer o serviço e produto que é mais conveniente e relevante para o seu cliente.

Autor

Pâmela Gonçalves é formada em Relações Internacionais e trabalha com pesquisa de mercado desde 2011, quando começou sua carreira na indústria de bens duráveis. Como parte da sua jornada já trabalhou em instituto de pesquisa e traz experiência de diversos setores do mercado e atualmente atua como BI aplicando o social listening para capturar as mais variadas tendências.

Escreva um comentário