Nos últimos anos, o setor de moda no Brasil se fortaleceu e tem alcançado relevância internacional. Isso em razão do aumento do poder de compra dos brasileiros e, principalmente, em virtude da moda estar relacionada às novas tendências e aos desejos no âmbito da estética e do status dos indivíduos.

Segundo os dados da Associação Brasileira da Indústria Têxtil e de Confecção (ABIT), em 2019 o Brasil conquistou o quinto lugar no ranking mundial de maior consumidor de roupas. Hoje, o consumidor brasileiro procura por produtos mais acessíveis e que ao mesmo tempo sejam novidades.

O ano de 2020 foi marcado pelo início da pandemia e, junto com essa situação vieram várias incertezas sobre a movimentação de diversos mercados, dentre eles, o da indústria têxtil. Ainda de acordo com a ABIT, em 2020 a produção de peças de vestuário sofreu uma queda mas que pode ser recuperada agora, em 2021, com perspectiva de crescimento de 23%

Esses números ajudam a mostrar a importância desse segmento mesmo em meio à uma crise mundial. Os consumidores desse mercado utilizam muito suas vozes nas redes sociais seja para compartilhar seus looks, seja para mostrar os diferentes estilos ou até mesmo para contar quais serão as tendências das redes sociais e, com isso, as marcas estão cada vez mais precisando se reinventar.

Para entender o comportamento dos consumidores em relação às tendências da moda e comunidades específicas, analisamos mais de 823 mil publicações sobre o tema, realizadas entre outubro de 2020 e janeiro de 2021. Confira os destaques! 

  • O Instagram como o canal em que mais se fala sobre o tema, onde os usuários anunciam produtos e mostram os seus looks diários. Dentre as publicações coletadas, o Instagram aparece com 74% do total. 
  • Dentre os que mais citam o tema, as mulheres lideram a maioria das publicações com 60% de frequência, contra 33% da participação masculina.
  • Em relação aos temas, dentre os quatros que mais se destacam observamos as Tendências (33,45%) – que continuam guiando e mostrando o hit da moda e suas novidades, o Elogio (13,21%) – onde os usuários demonstram satisfação com os produtos, a Moda Evangélica (12,52%) e a Moda Praia (8,40%) que revelam a predileção dos usuários com os looks do cotidiano brasileiro. 
Imagem 1: Gráfico de Distribuição por Temas do War-Room STILINGUE
  • Entre as marcas mais citadas pelo público, aparecem entre as escolhas dos consumidores: Nike, Polo, Lacoste, Adidas e Zattini
Imagem 2: Gráfico de Distribuição por Marcas do War-Room STILINGUE

Gênero Masculino e Feminino: duelo de looks

Quando o assunto é moda, o público masculino e feminino tem algumas preferências em comum, porém discordam de muitas outras.

Vamos começar citando o que os dois gêneros compartilham com o mesmo interesse: 

  • Os termos como Moda Praia, Moda Plus Size e Moda Evangélica fazem parte das tendências entre os dois públicos, o que demonstra que as vestimentas desses estilos estão super em alta e que esses nichos fazem a cabeça dos dois gêneros.
  • Tênis e Conforto aparecem também nas preferências de ambos. Afinal de contas, independente de gênero, um bom tênis sempre cai bem, não é mesmo? E, em tempos de pandemia, o conforto ganhou espaço no guarda roupas de muitas pessoas.
  • O termo Black Friday também foi citado pelos públicos, mostrando o que todo mundo gosta: descontos ao realizar compras e aquela promoção esperada o ano todo.
Imagem 3: Gráfico de Duelo de Termos do War-Room STILINGUE

O público feminino ao iniciar o debate sobre moda e tendências, cita algumas marcas que não podem faltar em seu guarda roupa, como: Renner, Ashua, Marisa e Shein. Vale ressaltar que algumas peças de vestuário, como o macacão pantalona, estão em alta entre o gênero e a preocupação com o meio ambiente faz com que esse público busque pela moda com consciência, dando preferência aos brechós e a tendência de reutilização. Em contrapartida, ainda temos a busca por marcas de fast fashion em ascensão, devido aos custos benefícios.

Imagem 4: Gráfico de Duelo de Termos do War-Room STILINGUE com foco no público feminino

Já quando se fala em moda para o público masculino, as sungas e sambas canção ficaram em alta, ainda mais por estarmos analisando a chegada do verão. Outras tendências citadas foram o pretinho básico, bermuda e jeans, que mostram o estilo mais neutro, direto e que valoriza a simplicidade desse público. Em relação ao calçado, o gênero masculino opta pela marca All Star ao compor um look.

Imagem 5: Gráfico de Duelo de Termos do War-Room STILINGUE com foco no público masculino

As tendências da vez

A chegada de novas estações traz também a chegada ou a volta de tendências: e quais foram as tendências citadas pelo público consumidor na temporada 2020/2021? Analisando as publicações sobre o assunto, podemos identificar uma relação forte com termos como Tendências, Mulheres, Tecido.

Imagem 6: Gráfico de Termos Correlacionados do War-Room STILINGUE

Expandindo as publicações sobre o termo Tendências de Moda, podemos identificar uma grande quantidade de menções se referindo a cor e com destaque aparece a cor branca. A crescente oferta e procura pelos looks brancos está intimamente relacionada ao período analisado, no qual o branco é considerado a cor clássica do ano novo e das festas de réveillon. Isso demonstra que a tradição e o simbolismo de paz e prosperidade continuam em alta no Brasil.

Imagem 7: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

Para compor o look feminino, o queridinho do verão e mais citado foram os shorts. Eles são peças curingas, atemporais e tem se destacado bastante no guarda roupas das brasileiras. Leves, simples e sensuais, os shorts são os parceiros ideias para curtir o verão, perfeitos para chegar, sair ou simplesmente passear.

Imagem 8: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

O termo Tecido revela a alta procura por looks mais confortáveis, onde a tendência pelo comfy veio para ficar e a opção do consumidor é adquirir looks confortáveis feitos pelo tecido algodão. Toda essa comodidade está associada ao aumento do tempo que todos nós ficamos em casa, devido a pandemia da Covid-19, aflorando as necessidades por tecidos mais leves, macios e confortáveis.

Imagem 9: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

O perfil dos consumidores de vestuários e acessórios

Vestuário e acessórios são produtos que movimentam bilhões por ano. E como é a cara dos consumidores desses produtos?

Quando comparamos os nichos de perfis de consumidores com produtos do tipo vestuários e acessórios, vemos que os vestuários concentram o maior volume de publicações em temas como Moda Evangélica, Moda Praia e Moda Sustentável

Imagem 10: Gráfico de Matriz Comparativa do War-Room STILINGUE

O tema Moda Evangélica representa a maior parte das publicações analisadas da amostra, indicando a expressividade de lojas especializadas no mercado revelando as tendências de vestidos midi, moda plus size, vestidos longos e até mesmo blusas e camisas diferenciadas.

Também podemos identificar que a Moda Evangélica, além da busca por roupas, vem investindo em sapatos, como scarpin, para compor todo o look.

Imagem 11: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

Em quesito de acessórios, o público evangélico tende a buscar por bolsas e cintos.

Imagem 12: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

Nota-se a tendência das mulheres desta comunidade ao se vestirem com elegância sem abrir mão da prudência com harmonia aos princípios. Logo, o mercado percebeu o aumento desse público e vem investindo em oferecer vestuário e acessórios para esse público que tem como potencial 22% da população brasileira.

A Moda Praia é citada logo em seguida, sendo um dos ramos mais aquecidos no país. Para se ter uma noção, de acordo com a Associação Brasileira de Indústria Têxtil (ABIT), esse setor consome cerca de US$ 1,5 bilhão por ano no mercado interno.

O consumidor desse nicho busca por looks de verão, como biquínis, maiôs e também moda fitness. Vale lembrar que o biquíni brasileiro é conhecido e reconhecido internacionalmente, seja por seu estilo mais ousado, por sua qualidade ou mesmo pela criatividade dos modelos.

Imagem 13: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

Falando em acessórios, a moda praia nem sempre se baseia apenas nos trajes de banho. O pack dos queridinhos do verão são: óculos, bolsas, pulseiras e chapéus. Alguns materiais naturais, como brincos e colares de conchas, palha e madeira costumam fazer a cabeça do público feminino.

Imagem 14: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

Um outro tipo de consumo bem citado em vestuários e acessórios foi o de Moda Sustentável, cuja vertente se preocupa em utilizar métodos que não produzam ou minimizem os impactos ambientais gerados no processo de desenvolvimento de produtos.

A tendência dos consumidores mostra a busca por produtos em brechós, vintage e garimpos. Isso revela a preocupação atual do público com a sustentabilidade, o consumo consciente, o cuidado com o meio ambiente, a obtenção de peças exclusivas e atemporais, e a economia na hora de comprar.

Imagem 15: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

Além disso, a Moda Sustentável cita também a Renner, no que diz respeito aos acessórios. Isso porque a marca possui uma campanha de coleção colaborativa, chamada “Movimento Eu Visto o Bem”, que visa produzir acessórios que utilizem matérias primas com tecido menos impactante ao meio ambiente e lixo zero, utilizando materiais recicláveis. Esse movimento dá oportunidades de trabalho para mulheres carcerárias e ex-carcerárias que pretendem ingressar no mercado de trabalho.

Imagem 16: Gráfico de Termos Relacionados do War-Room STILINGUE

Assim, percebe-se o olhar da moda nacional em um verão brasileiríssimo em tudo, incluindo a maneira de vestir. Ganham destaque em 2021:

  • A Moda Evangélica – com a produção de roupas para mulheres com um estilo mais conservador e pautado em princípios religiosos;
  • A Moda Praia – um dos principais destaques dos looks brasileiros com conforto e elegância para o verão;
  • E a tendência da Moda Sustentável – moda ecológica com base na adoção de práticas sustentáveis.

Considerações finais

Muito além de exibir os looks nas redes sociais, os consumidores, que possuem estilos distintos, vem buscando na moda fortalecer sua identidade com interesses específicos. A força dos nichos destacados acima podem trazer uma inspiração para marcas que pretendem entrar nesse mercado e oferecer produtos voltados para a pluralidade e estilos diferentes.

Ou seja, para atender a representatividade é preciso que o mercado esteja disposto a aprofundar em questões sociais, identificando os valores e princípios de cada um de seus públicos consumidores.

Autor

Alice Faria é formada em Engenharia de Minas pela Faculdades Kennedy, Pós-graduanda em Gerenciamento de Projetos pela PUC-MG. Com mais de 5 anos de experiência profissional, é uma aficionada por números e resultados. Sempre em busca de novas e melhores maneiras de entregar sempre o melhor para nossos clientes. Alice trabalha atualmente como Coordenadora de Atendimento na Stilingue. Nas horas vagas, gosta de assistir séries, escutar música e curtir a família.

Escreva um comentário