Na última década, as redes sociais assumiram um lugar fundamental em diferentes aspectos da vida cotidiana. Seja para conversar com pessoas, produzir conteúdos, fazer publicidade, buscar produtos ou serviços. Assim, essas empresas são cada vez mais estratégicas tanto para consumidores como para empresas. 

As primeiras devem acompanhar o que os clientes têm falado sobre a marca nessas redes, quais produtos e/ou serviços estão sendo bem aceitos e quais recebem críticas, criar as melhores estratégias para cada rede social, reconhecendo o formato e o horário de postagem que gera mais repercussões.

Já os clientes utilizam as redes sociais para buscar produtos e serviços, acompanhar o lançamento de uma campanha, solucionar dúvidas e buscar atendimento antes de finalizar uma compra ou no pós-venda.

Uma pesquisa realizada entre 11 a 13 de outubro de 2021 pelo PoderData mostra que, por dia, 45% dos brasileiros ficam mais de uma hora nas redes sociais e 35% ficam até uma hora. Dados da ComScore apontam que o país é responsável por 10% do tempo total gasto em redes sociais em todo o mundo, ficando atrás apenas dos Estados Unidos.

Por isso, as empresas precisam de ótimas estratégias para as suas redes sociais, pois elas se tornam cada vez mais um dos principais canais de comunicação entre elas e os clientes.

Vantagens e desafios

O atendimento nas redes sociais são as estratégias adotadas por empresas para estabelecer o contrato com os clientes. Seja na hora de lançar uma campanha, solucionar dúvidas ou atender no pós-venda: as redes sociais se tornaram um dos principais canais de comunicação com os consumidores.

Algumas das vantagens deste tipo de atendimento são: oferecer a maior comodidade para o seu público, uma comunicação mais ágil, o aumento do engajamento do público, a geração de dados e relatórios e a formulação de metodologias integradas a partir de tecnologias avançadas.

Desafios

Um dos desafios de fazer o atendimento nessas redes é o tempo: a dinamicidade proporcionada por essas redes exige que as empresas tenham equipe qualificada, organização e boa tecnologia para atender as necessidade dos consumidores o mais rápido possível. Isso é determinante para garantir uma boa jornada de compra.

Um processo básico quando falamos de redes sociais é o monitoramento. As empresas precisam acompanhar o resultado de suas publicações, quais geraram mais  comentários e compartilhamentos, quais não geraram tantos resultados, quais são os sentimentos dos consumidores sobre as campanhas e produtos da marca. 

Realizar um bom monitoramento e obter dados para insights relevantes é outro desafio para esse atendimento. Nesse contexto, o Social Listening se torna um diferencial competitivo cada vez mais relevante.

Social Listening 

O Social Listening (ou “escuta social” em português) é o levantamento de dados sobre termos específicos,  palavras-chave, comentários e  conversas relevantes para uma marca em diferentes ambientes digitais como redes sociais, sites especializados, fóruns, entre outros.

O objetivo do Social Listening não é apenas responder às interações dos clientes e monitorá-las, mas também trazer dados relevantes capazes de trazer oportunidades de negócios, antecipar tendências, gerenciar crises, acompanhar as empresas concorrentes e encontrar novos canais para publicidade.

E como as empresas fazem o Social Listening? Primeiramente, é necessário levantar informações em diferentes ambientes digitais de uma empresa. Em seguida, é necessário avaliar quais delas são relevantes para criar ou repensar estratégias de comunicação, desde a produção e conteúdo até o marketing.

A Stilingue é uma plataforma multicanal de Social Listening que usa a Inteligência Artificial (IA) para coletar, compreender, resumir e classificar a opinião pública em um único lugar de forma rápida em tempo real e larga escala. 

Somos a única plataforma de Social Listening com IA desenvolvida especialmente para compreender os termos utilizados pelo público brasileiro. A nossa plataforma oferece  duas maneiras para monitorar os assuntos: uma pesquisa rápida ou uma pesquisa pré-definida (denominada como “monitoramento personalizado”). 

Além disso, utilizamos um motor de Processamento de Linguagem Natural e mais de 5.8 trilhões de possibilidades de filtros, cruzamentos e visualizações em dashboards automatizados para identificar tendências, padrões, desejos e identificar os comportamentos da sua audiência.

Assim, o Social listening da Stilingue é um diferencial competitivo, ampliando a sua eficiência operacional interna com monitoramento completo dos canais digitais de cada empresa. Fale com os nossos consultores e entenda como nós melhoramos os resultados da sua empresa!

Escreva um comentário